Política

Bloqueio do Telegram faz com que família Bolsonaro ganhe mais seguidores no app

 Publicado dia .21/03/2022

O bloqueio do Telegram fez com que o presidente Jair Bolsonaro e seus filhos, o senador Flávio (PL-RJ), o deputado Eduardo (PL-SP) e o vereador Carlos (Republicanos-RJ) ganhassem, juntos, quase 130 mil seguidores no aplicativo.

Bolsonaro teve o melhor resultado, ao alcançar 1,2 milhão de seguidores — avanço de quase 110 mil pessoas em três dias. Em seguida, vem Flávio, que foi de 94 mil para 103 mil. Carlos conseguiu apenas 7 mil seguidores a mais.

Publicado pelo site Poder360 nesta segunda-feira, 21, o levantamento considerou o dia do bloqueio do Telegram, na sexta-feira 18, até o domingo 20, quando o app voltou a funcionar, após ter cumprido determinações judiciais.

A decisão de bloquear o Telegram foi do ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF). O juiz do STF determinara a suspensão do serviço em virtude de o app supostamente permitir divulgação de “fake news”.

Desempenho da esquerda depois do bloqueio do Telegram

Pré-candidatos da esquerda à Presidência, Lula (PT) e Ciro Gomes (PDT) tiveram resultado pífio em comparação à família Bolsonaro: ganharam 3 mil e mil seguidores, respectivamente. O petista foi de 48 mil para 51 mil. Já o pedetista, de 19 mil para 20 mil.


Compartilhe:


Qual sua Reação:

-- Publicidade --


infolango recargas

-- Fim da Publicidade --

Topo

  PREVISÃO DO TEMPO


  PREVISÃO COMPLETA  
    Parler   Facebook   Pinterest   Twitter   Youtube   WhatsApp
   Logo-MW
  VISUALIZAÇÕES
134501