últimas
NOTÍCIAS
Bolsonaro disse para Lula: O seu governo foi o mais corrupto da História
Aliados festejam desempenho de Bolsonaro no JN
Alexandre de Moraes marca encontro com ministro da Defesa
Petrobras anuncia terceira redução da gasolina em um mês
Rosa Weber envia à PGR pedido contra Alexandre de Moraes por prevaricação e ativismo judicial
Policial

PF faz Operação contra desvio de recursos da saúde no Maranhão

 Publicado dia .04/03/2021

A Polícia Federal deflagrou nesta quarta-feira (03) a Operação Recôndito que investiga suposto sobrepreço em contratos firmados pela Secretaria Municipal de Saúde de Imperatriz (SEMU) e fraude em procedimentos licitatórios com recursos federais que deveriam ser destinados no combate ao coronavírus.

Na fase de hoje foram cumpridos 7 mandados de busca e apreensão na cidade de Imperatriz, no Maranhão.

As fraudes teriam sido cometidas em 2020.

De acordo com a PF um monitoramento, em licitações e contratos, feito pelo Ministério Público do Estado do Maranhão (MP-MA) e Ministério Público Federal (MPF) deu início às investigações da Operação.

“A Polícia Federal identificou diversos indícios de fraude em processo de dispensa de licitação que culminou com a contratação de empresa de fachada, integrada por sócios laranjas, que foram beneficiados em contrato que tinha por objeto o fornecimento de refeições para atender demanda do Centro Municipal de Tratamento do COVID-19”, afirmou assessoria da PF.

Caso sejam confirmadas as irregularidades, os alvos da Operação Recôndito poderão responder pelos crimes de associação criminosa, corrupção ativa e passiva, fraude à licitação e “outras infrações penais.”

O prefeito reeleito de Imperatriz, Assis Ramos (DEM), publicou uma nota esclarecendo as acusações.


Compartilhe:


Qual sua Reação:

-- Publicidade --


infolango recargas

-- Fim da Publicidade --

Topo

  PREVISÃO DO TEMPO


  PREVISÃO COMPLETA  
    Parler   Facebook   Pinterest   Twitter   Youtube   WhatsApp
   Logo-MW
  VISUALIZAÇÕES
128931